CURITIBA: É muuuito parque bonito!

Última viagem realizada em fevereiro/2015


Curitiba é uma das minhas capitais brasileiras preferidas (depois de Floripa, claro! rs). Já fui pra lá algumas vezes e não me canso. Sempre há algum cantinho novo pra conhecer, alguma coisa diferente pra fazer. E o bom é que sempre me surpreendo! Sou apaixonada pelos parques, praças e bosques curitibanos! São lindos, floridos, bem cuidados... Acho que de todas as capitais que já conheci, Curitiba ganha nesse quesito parques bonitos!

Outra coisa que me encanta nessa capital paranaense é a sua diversidade cultural. Curitiba tem forte influência dos seus imigrantes alemães, poloneses, ucranianos, italianos, espanhóis, holandeses, japoneses e árabes. Ufa, quanta mistura cultural! Todas essas influências podem ser observadas nos seus parques e bosques, na culinária, na arquitetura, em suas tradições... enfim, em todo lugar!

muitas araucárias espalhadas pela cidade
ruas do centro histórico

Nessas vezes em que estive em Curitiba utilizei bastante a linha do ônibus turísticoApesar de achá-lo caro, é um ótimo meio de transporte para quem está a pé pela cidade. É super prático e os ônibus passam com bastante frequência. Também usei o ônibus comum (nos famosos tubos) e andei bastante. Caminhar pelas ruas de Curitiba é uma delícia! Existem vários locais que podem ser conhecidos a pé, principalmente na parte histórica.

ônibus turístico
os tubos
bonitas ruas curitibanas

JARDIM BOTÂNICO

Sem sombra de dúvidas, meu lugar preferido em Curitiba!!! Amo o Jardim Botânico! É lindo, lindo! Toda vez que vou à capital paranaense tenho que dar uma passadinha por lá. O jardim em frente à famosa estufa é maravilhoso e foi inspirado nos jardins franceses. Já a estufa, em estilo art nouveau, teve um palácio de cristal londrino como inspiração. Dentro da estufa há muitas espécies de plantas e uma fonte d'água. O parque ainda conta com Museu Botânico, Jardim das Sensações, lojinha para turista, pista de cooper, trilha para caminhada e lago. Sem falar nas dezenas de araucárias espalhadas pelos jardins e um corredor de cerejeiras que ficam lindas quando florescem na primavera. Não é a toa que o Jardim Botânico é o cartão postal de Curitiba! Fica no bairro Jardim Botânico (perto da rodoferroviária) e o ônibus turístico pára por lá.

meu lugar preferido em Curitiba
um corredor de cerejeiras dá as boas-vindas aos visitantes
lindas araucárias

PARQUE TANGUÁ

O Parque Tanguá também é um dos lugares que adoro! Ele foi construído em 1996 onde era um antigo complexo de pedreiras, que atualmente estão desativadas. A entrada do parque já surpreende! Além de um mirante com uma vista linda, há um jardim muito bem cuidado e florido. Uma graça!

entrada do Parque Tanguá
vista do mirante

Na parte inferior do parque há um lago e uma cascata muito bonitos! Também tem lanchonete e lojinha para turistas. Dizem que o pôr do sol dali é lindo, mas infelizmente ainda não consegui ver nenhum... Na lateral direita da entrada do parque há uma trilha que leva a uma passarela que passa por debaixo da pedreira. É muito legal também! O parque fica na região norte de Curitiba, no bairro de Pilarzinho, e o ônibus turístico faz uma parada por lá.

esse parque era uma antiga pedreira
trilha para chegar à passarela
passarela que passa por dentro da pedreira

BOSQUE ALEMÃO

Esse bosque é muito legal e bonito! Perfeito para ir com crianças. Como o próprio nome diz, é um bosque inspirado na cultura alemã e homenageia os imigrantes desse país. Logo na entrada já somos surpreendidos por uma réplica de uma igreja presbiteriana em estilo neogótico, chamada de Oratório de Bach. Lá dentro há uma sala de concertos e uma lanchonete que comercializa produtos típicos.

Oratório de Bach

Além dessa construção há um mirante muito bonito localizado em uma torre com mais de quinze metros de altura, a Torre dos Filósofos. Descendo a escadaria dessa torre, começa a trilha de João e Maria, do conto dos irmãos Grimm. Essa é a parte mais lúdica! A trilha passa por dentro do bosque e pelo caminho existem várias plaquinhas que vão contando a famosa história dessas duas crianças que se perdem na floresta. É muito bonitinho! No meio da trilha há a Casa da Bruxa, onde funciona uma biblioteca com espaço para contação de histórias. Muito legal também! No final da trilha há um portal que na verdade é uma réplica de uma das primeiras casas com arquitetura típica alemã construída em Curitiba.

passarela de acesso ao mirante
a Casa da Bruxa no meio do bosque
portal do Bosque Alemão

MEMORIAL UCRANIANO

O Memorial Ucraniano fica no Parque Tingui e, apesar de pequeno, é um espaço muito interessante e bonito. Tem umas construções lindas típicas da Ucrânia, feitas com tábuas de madeira encaixadas. A mais famosa delas é a réplica da Igreja de São Miguel Arcanjo, a igreja ucraniana mais antiga do Brasil, localizada no interior do Paraná. Dentro da igreja estão expostos alguns objetos religiosos, uma coleção de pêssankas (aqueles ovos de Páscoa pintados) e diversos artesanatos. Também há uma reconstrução de uma casa típica onde funciona uma lojinha. Esse memorial é uma homenagem aos imigrantes ucranianos que vieram para Curitiba e o ônibus turístico passa por lá.

réplica da Igreja de São Miguel Arcanjo (à esquerda) e escultura de pêssanka (à direita)

MEMORIAL POLONÊS

Esse bosque foi construído em 1980 em homenagem a visita do papa João Paulo II a Curitiba. Por isso também é conhecido como Bosque do Papa. No meio do bosque, há uma clareira com sete casinhas lindas (feitas com troncos de madeira) inspiradas na arquitetura polonesa. Dentro de cada casa há objetos, mobiliários e diversas lembranças das crenças e tradições dos antigos imigrantes poloneses. O bosque é muito bem cuidado e merece uma rápida visita. Além das casinhas, também tem trilha ecológica, ciclovia, lojinha de artesanato, palco e uma casa de chá. Fica na região central de Curitiba e o ônibus turístico faz uma paradinha por lá.

casinha de madeira no Memorial Polonês

ÓPERA DO ARAME

A Ópera do Arame é um teatro que foi construído em uma antiga pedreira chamada Paulo Leminski. Possui uma arquitetura super moderna e ousada feita com estruturas metálicas. Foi inaugurado em 1992 e muitos espetáculos grandiosos já foram apresentados por lá. Dentro da sala cabem mais de 1500 espectadores! A construção fica ao lado de um lago e de uma cascata. É um local muito agradável e bonito. Pode ser acessado por meio do ônibus turístico.

Ópera do Arame

UNILIVRE

A Universidade Livre do Meio Ambiente é linda!!! Que delícia de lugar! Além de ter um projeto arquitetônico super ousado e sustentável (e que se encaixa perfeitamente com a natureza), também tem uma filosofia muito bonita. Nesse lugar são dados cursos, seminários, entre outras atividades que disseminam a importância de cuidarmos do meio ambiente e sermos mais sustentáveis. A estrutura da universidade é toda feita em madeira. Há uma rampa em espiral que dá acesso as salas de aula (cada uma representa um elemento da natureza) e a um mirante com 25 metros de altura. A vista lá de cima é linda! A Unilivre foi construída em uma antiga pedreira que atualmente está desativada e virou o bosque Zaninelli. Além da sede da universidade, também há um lago, uma pequena trilha e muito, muito mato nativo!

uma pequena trilha nos leva ao lago e à sede da Unilivre
as salas de aula representadas pelos cinco elementos da natureza
a sede da Unilivre, toda construída em madeira e integrada à natureza

MUSEU OSCAR NIEMEYER

O MON, como é comumente conhecido, possui uma arquitetura impressionante! Impossível não se surpreender com suas linhas curvas e o formato de olho. Também não é para menos, foi projetado pelo brilhante arquiteto Oscar Niemeyer! Além das inúmeras salas para exposições, o museu tem loja, café, biblioteca, auditório e salão de eventos. São mais de 35 mil metros quadrados! É considerado o maior museu da América Latina. Separe algumas horas do dia para visitá-lo. Há muitas exposições para ver. Ele está localizado no bairro Centro Cívico, pertinho do Bosque João Paulo II. O ônibus turístico passa por lá e é cobrada uma taxa na entrada.

Museu Oscar Niemeyer

TEATRO PAIOL

O Teatro Paiol é uma construção linda e muuuito antiga! Sempre que passo por ela tenho a sensação de ter voltado no tempo, em uma época medieval. Acho lindo o contraste da arquitetura antiga com as construções contemporâneas. Esse teatro de arena tem uma história muito curiosa. Foi construído em 1874 para ser um abrigo de pólvora e munições do exército brasileiro. Esse local foi desativado muitos anos depois e, por volta de 1970, foi adaptado e transformou-se em um auditório de arena, onde acontecem pequenas apresentações teatrais e musicais. Não é um teatro grande e cabem poucas pessoas. Está localizado no bairro de Prado Velho, a cerca de uns dois quilômetros da rodoferroviária. O ônibus turístico passa por lá.

Teatro Paiol
plateia e palco do Teatro Paiol

RUA DAS FLORES (RUA XV DE NOVEMBRO)

A Rua XV de Novembro, mais conhecida como Rua das Flores, fica na região central, pertinho do Setor Histórico, da Catedral Metropolitana... Apesar de ser uma rua, os carros não podem transitar por lá, pois é aberta somente para pedestres. Essa proibição aconteceu em 1971, ano em que surgiu o primeiro calçadão do Brasil. Muitas construções históricas estão espalhadas por essa rua, assim como muuuitos canteiros de flores.

construções centenárias na Rua XV de Novembro

Um dos prédios mais conhecidos é o Palácio Avenida. Quando pensamos no Natal de Curitiba a primeira coisa que vem a cabeça é o famoso coral que se apresenta nas janelas desse edifício. Esse espetáculo acontece desde o início dos anos 90 e acabou ficando tão famoso que hoje em dia é conhecido por todo o país. E o prédio virou um local turístico! Ele foi construído em 1929 por um imigrante sírio-libanês. Atualmente é ocupado pelo banco HSBC e também abriga um espaço cultural. Outra atração bastante conhecida na Rua XV de Novembro é o Bondinho da Leitura. Esse bonde está "estacionado" no calçadão desde 1973. Já foi espaço para crianças brincarem enquanto os pais faziam compras nas lojas, central de informações turísticas... Desde 2010 é uma minibiblioteca.

Palácio Avenida na Rua XV de Novembro
bondinho da leitura

SETOR HISTÓRICO

O setor histórico compreende algumas ruas em torno do Largo da Ordem, no centro do Curitiba. É super gostoso caminhar pelas ruas de calçamento de pedra e ir apreciando os prédios cheios de detalhes e histórias. Tem muitas construções lindas e muito bem conservadas! O que me chamou mais a atenção foi a Igreja da Ordem Terceira de São Francisco das Chagas (é a igreja mais antiga de Curitiba), a Igreja do Rosário dos Pretos (construída em 1946, tem estilo barroco), a Igreja Presbiteriana Independente (construída em 1931, tem estilo neoclássico), a Praça Garibaldi, a Fonte da Memória (tem o formato de uma cabeça de cavalo e foi construída em homenagem aos antigos tropeiros), o Relógio das Flores (as flores são trocadas a cada nova estação do ano) e o Palácio Garibaldi (esse prédio em estilo neoclássico é muito bonito e foi construído em 1904). Além dessas construções existem muitas outras! Também visitei o centro cultural Memorial de Curitiba. É bem legal!

Igreja do Rosário
Praça Garibaldi (à esquerda) e Igreja Presbiteriana Independente (à direita)
Relógio das Flores
outra construção histórica

Aos domingos o Largo da Ordem fica lotado de barraquinhas da m-a-r-a-v-i-l-h-o-s-a Feira de Arte e Artesanato, mais conhecida como Feirinha do Largo da Ordem. Simplesmente amo essa feira! É enooorme (prepare-se, são centenas de barracas) e tem muito artesanato lindo dos mais vários tipos (com tecidos, pedras, metais, madeiras, gesso, cerâmica...), além de muitos doces e comidinhas deliciosas! Essa feira é tão famosa que recebe cerca de vinte mil pessoas a cada domingo! A visita vale muuuito a pena e é impossível sair de lá sem comprar uma lembrancinha.

feirinha de artesanato no Largo da Ordem

CATEDRAL BASÍLICA NOSSA SENHORA DA LUZ DOS PINHAIS

Mais conhecida como Catedral Metropolitana de Curitiba, essa igreja é considerada um dos patrimônios culturais mais importantes da cidade. Fica na região central da cidade, na Praça Tiradentes, em frente ao ponto inicial da linha do ônibus turístico. Sua arquitetura, em estilo neogótico, é muito bonita e foi recentemente restaurada. Ela foi construída em homenagem a Nossa Senhora da Luz dos Pinhais, a padroeira de Curitiba, e dizem ter sido inspirada na Catedral da Sé de Barcelona, na Espanha.

Catedral Metropolitana de Curitiba (à esquerda) e interior da catedral (à direita)
lateral da catedral

PAÇO DA LIBERDADE

O Paço da Liberdade é um dos meus prédios históricos preferidos. Acho a arquitetura dele simplesmente linda! Ele foi restaurado há alguns anos atrás e todos os detalhes em estilo eclético (com um pouquinho de neoclássico e art nouveau) foram preservados. É uma construção tão bela e importante que foi tombada como patrimônio histórico pelo Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (IPHAN). Muito chique! rs Antigamente era a sede da Prefeitura de Curitiba e depois passou a abrigar o Museu Paranaense. Hoje em dia o prédio sedia um espaço cultural. Fica lá no centro, pertinho da Praça Tiradentes e faz parte do setor histórico da cidade.

Paço da Liberdade

UNIVERSIDADE FEDERAL DO PARANÁ

O prédio da Universidade Federal do Paraná (UFPR) é enooorme e chama a atenção de longe! Ele fica lá no centro, na Praça Santos Andrade, e ocupa um quarteirão inteiro! A arquitetura é linda! Tem umas colunas em estilo neoclássico maravilhosas! E é muito, muuuito alto! A praça em frente é bonitinha, mas o que mais gostei foram das araucárias espalhadas pelo jardim. Vale uma rápida visita e fica perto do Paço da Liberdade.

Universidade Federal de Curitiba

ORDEM ROSACRUZ – MUSEU EGÍPCIO

Esse museu está em reforma e fiquei super frustrada quando cheguei lá e encontrei apenas uma pequena sala em exposição. Tinham algumas peças históricas interessantes do Antigo Egito, mas todas eram réplicas, nada original. Estava ansiosíssima para ver a múmia feminina (chamada Tothmea) que dizem ter cerca de 2.700 anos, mas infelizmente ela não estava em exposição... A fachada do prédio é legal, assim como a área externa. Tem uma miniatura de uma esfinge e alguns mosaicos nas paredes super bonitos. Recomendo a visita depois que o novo prédio ficar pronto e aberto à visitação. O ônibus turístico não passa pelo Museu Egípcio. É preciso chegar de carro ou de transporte público. Lá do Terminal Guadalupe, no centro, tem um ônibus que passa próximo ao museu.

monumentos na área externa do museu
revestimento de uma das paredes

PASSEIO PÚBLICO

O Passeio Público é o parque urbano mais antigo de Curitiba. Foi inaugurado em 1886 e fica na região central. Durante um período também foi o primeiro zoológico da cidade. Ainda hoje há alguns viveiros com aves e outros pequenos animais espalhados pelo parque. O local é bem grande e super arborizado. Tem lago, ponte pênsil, coreto, pista para caminhada, playground para crianças... Adorei o portão de entrada! Foi inspirado no portão do francês Cemitério de Cães. É muito bonito! O ônibus turístico faz uma parada por lá.

portão de entrada do Passeio Público
ponte pênsil
viveiros (à esquerda) e pássaro solto no parque (à direita)

OUTROS LUGARES PARA VISITAR

Mercado Municipal de Curitiba: Fica em frente à rodoferroviária, na parte central. É um ótimo local para comprar queijos, vinhos, temperos, frutas, verduras, legumes, carnes... E o preço é super em conta, principalmente nos restaurantes e cafés. Vale a pena dar uma passadinha por lá!

Mercado Municipal

Museu Ferroviário: Outro lugar que conheci rapidamente. É super interessante e fica dentro de uma antiga estação ferroviária, onde hoje em dia funciona o Shopping Estação. Tem uma maria-fumaça original em exposição.

Museu Ferroviário
maria-fumaça na antiga plataforma da estação

Torre Panorâmica: É o mirante mais alto de Curitiba. São quase 110 metros de altura!! Nem preciso dizer que a vista lá de cima é perfeita, né? Dá para ver toda a cidade em 360 graus! Esse observatório foi inaugurado em 1991 e fica no bairro das Mercês. O ônibus turístico passa por lá e é cobrada uma pequena taxa para visitação.

a cidade de Curitiba vista da Torre Panorâmica

Mesquita de Curitiba: Simplesmente linda! Me apaixonei pelos mosaicos que revestem as paredes externas da construção. São lindos e muito coloridos!! Por dentro é bem bonita também. Vale a pena visitar! É um local que transmite muita paz. Fica pertinho do Largo da Ordem, no centro histórico.

Mesquita de Curitiba

Praça do Japão: Muito bonitinha e arborizada. Uma tranquilidade de lugar! O espaço é pequeno, mas merece uma rápida visita. Tem um lago artificial com carpas (onde há uma imagem do Buda), o Portal Japonês e o Memorial da Imigração Japonesa, além de inúmeras cerejeiras que devem ficar lindas quando florescem. Essa praça foi construída em homenagem aos imigrantes japoneses. Fica no bairro Água Verde e o ônibus turístico não passa por lá, mas há transporte público que passa pertinho da praça.

Praça do Japão, uma área verde no meio da cidade

Memorial Árabe: Não cheguei a entrar no Memorial Árabe, pois era feriado e estava fechado. Mas achei a construção super bonita! Fica ao lado do Passeio Público e o ônibus turístico pára por lá.

Memorial Árabe

Teatro Guaíra: Fica na mesma praça da Universidade Federal do Paraná e é um dos maiores e mais importantes teatros da América Latina. Não fiz nenhuma visita na parte interna.

Teatro Guaíra

Gosto muito de Curitiba! A cidade é bem organizada e diferente de São Paulo. Já fui quatro vezes para lá e ainda sinto vontade de voltar para conhecer outros cantinhos.


GOSTOU DE CURITIBA?
Combine a viagem com Morretes e Antonina, que bem ficam pertinho. Se tiver mais tempo, estique até Paranaguá e pegue um barco para a Ilha do Mel.

ACESSE TAMBÉM:
www.turismo.curitiba.pr.gov.br
www.curitiba-parana.net

NOSSA AVALIAÇÃO:




Todos os textos e fotos contidos nesse blog são minha autoria e não podem ser reproduzidos sem autorização.